quinta-feira, 2 de julho de 2020

Fechamento e Dividendos Recebidos em Junho/2020

Olá, pessoal.

Junho foi um mês bem tranquilo na Bolsa e para mim vai ficar marcado pois foi o mês em que comecei a investir no exterior.

Primeiramente tentei me cadastrar na TD Ameritrade. Porém, até agora não tive como escanear a documentação e enviar pra eles. Além disso, ainda teria que aguardar o envio do PIN que vem via Correios (ainda não falo inglês para conseguir o PIN mais rápido ligando pra eles).
Dessa forma, optei por me cadastrar na Avenue, que inclusive foi criada por brasileiros.
Quase nada de burocracia e em poucos minutos de cadastro e eu já estava com acesso à conta.

Como já foi no final do mês, eu não tinha mais quase nada para aportar e enviei apenas R$ 200, que viraram menos de US$ 38.


Agora em relação ao fechamento de junho, seguem os principais rendimentos:

Ações: + 9,44%
FII: + 4,13%
Carteira: + 6,99%


Sobre os dividendos, em junho acabei recebendo menos do que junho/2019. Algo raro de acontecer, pois a tendência é sempre subir. Porém, aconteceu. A razão foi a Tupy que havia pagado dividendos em Junho/2019 e não pagou dessa vez, e também a redução do proventos de alguns FIIs por causa do Corona.





Já no acumulado, 2020 continua ainda com uma boa vantagem em relação aos anos anteriores.




Por fim, seguem os totais de 2018 e 2019 com o que tenho de acumulado este ano.





Se não fosse o corona, eu já estaria certo que iria superar os R$ 10.000 em proventos em 2020. Porém, acredito que o aumento de dividendos nos segundo semestre deste ano será menos que anos anteriores.


Até mais.

quarta-feira, 17 de junho de 2020

Fechamento Maio/2020

E já chegamos ao fechamento de MAIO.
Mesmo com pandemia, o ano continua passando voando, puts.

Assim como abril, em maio minha carteira teve uma leve subida, mas ainda continua bem longe do topo.

Ações: + 0,36%
FII: + 2,59%
Carteira+ 1,31%

No consolidado, minha carteira voltou a fechar no lucro:   0,44%


Em relação aos dividendos, maio costuma ser um mês generoso.
Dessa vez recebi o segundo maior valor em dividendos mensais até o momento.


Seguem as tabelas:



Enquanto o mercado continua aí em crise, acabei recebendo mais dividendos do que a soma de maio de 2018 e 2019.

O mesmo acontece pegando o acumulado de janeiro a maio:



É isso o que me deixa firme e forte para seguir aportando com o objetivo de um dia poder usufruir dos dividendos.

Que continuem subindo assim.


Por fim, segue a tabela com os valores acumulados a cada ano:




Até o próximo fechamento.


sexta-feira, 29 de maio de 2020

Fechamento Abril/2020

Fala galera,

dessa vez dei uma procrastinada daquelas, mas enfim chego aqui com o fechamento de abril.

Foi um mês com uma pequena recuperação da carteira:4,86%
No histórico geral fechei com um pequeno prejuízo de 0,89%.

Se comparado a março, fiz poucos movimentos em abril.
Fechei 1 lote de BBAS e comprei quase 1 lote de ITUB3, me desfiz de 30  MGLU3 que eu tinha e comprei 2 FIIS.


Historicamente, os proventos em abril não são tão altos, recebi ao todo R$ 324,86

No acumulado 2020 já tenho R$ 2.620,25. Está um pouco abaixo da média para bater a meta dos R$ 10.000 anual.




Até mais.


quinta-feira, 9 de abril de 2020

Fechamento Março/2020

Chegamos ao fechamento do mês que houve as maiores emoções desde o nascimento desse blog.

Desde o final do ano passado eu já estava achando a bolsa muito cara e passei a reduzir meus aportes em ações e FIIs. 

Em  ações não aportei nada em setembro, fiz resgastes em outubro e novembro e transferi parte dessa venda para FIIs, e em dezembro novamente terminei zerado em aportes. 

Já com os FIIs tive grandes aportes em outubro e novembro com os resgates das ações, enquanto em dezembro apenas reinvesti os proventos.

Lembro que no fechamento de 2019 eu falei que estava sendo fácil ser investidor, pois tudo subia, praticamente comprar qualquer ação dava lucro certo, e com isso a gente encontrava "gurus" de investimentos em qualquer esquina.

Eis então que chega o coronavírus...

Vários Circuits Breakers, qualquer compra era PREJUÍZO certo, pois no dia seguinte caía mais, os gurus sumiram.

E  eu? Só me lamentando por não ter mais dinheiro para comprar mais. Mas isso não significa que fiz as escolhas certas.

Já no primeiro Circuit Breaker me empolguei e gastei quase toda minha reserva de oportunidade, pois via todas as ações baratas. Imagina aí, ITSA4 a R$ 9,50; ITUB3 a R$ 27,00; MGLU3 a R$ 43,00; GOLL4 a R$ 15,00. Parecia barato. Parecia...

Só que com as quedas seguintes esse barato já tinha se tornado caro. Com isso gastei também minha reserva de emergência comprando o que dava para comprar. (sei que é errado)

Foram erros que serviram de lição pra mim, não gastar tudo na primeira queda, pois outras virão. Estou com o sentimento de que poderia ter aproveitado melhor as oportunidades.

Pelo menos, apesar de não ter pegado os melhores preços, consegui melhorar meu preço médio em ações pagadoras de dividendos, que era meu principal objetivo. Comprei também ações de empresas que estão sofrendo muito com essa crise, como a GOL, na esperança de obter um lucro bom futuramente.


Números de Março:

Carteira: - 17,43% 
Ações: - 18,63% (para minha surpresa, no histórico de todo o período, ainda há um pequeno lucro)
FII: - 13,67%
Alaska Black: - 65,86% (outra lição. Melhor eu mesmo administrar meus investimentos)


Agora vamos ao que de fato importa: dividendos.

Pela terceira vez desde que invisto, recebi acima de R$ 1000 ao mês em proventos. Foram exatamente R$ 1.037,56 que somando com o que recebi em janeiro e fevereiro já dá mais do que eu recebi de janeiro a outubro de 2018. Essa é a evolução que quero ver. 





Para finalizar, a bolsa já está querendo se recuperar. Já recuperei 60% do que havia "perdido" em março. Mas sei que isso pode ser apenas um último suspiro e após isso a bolsa caia ainda mais. Tudo vai depender dos desdobramentos do Coronavírus.

Veremos o que virá pela frente...

sábado, 21 de março de 2020

Fechamento Fevereiro/2020

Fala galera,
é o mundo se acabando e eu fazendo meu fechamento mensal.

Em fevereiro já houve uma queda considerável na minha carteira, de 4,84%, mas nada comparado ao que estava por vir neste mês de março, e sabe-se lá o que virá nos próximos meses.

Sei que mesmo vendo meu patrimônio derreter, a minha única lamentação é não ter mais grana para aportar.

Enfim, como esse post ainda é sobre fevereiro, vamos a ele.



Pouca mudança na distribuição dos ativos.


Já no que realmente importa, a mudança foi grande, fevereiro/2020 foi o terceiro mês em que mais recebi dividendos. Recebi ao todo R$ 909,56 entre dividendos e  JCP de ações e proventos de FIIs.



Somando os dois primeiros meses do ano, já recebi mais do que o dobro do mesmo período do ano passado.


Então por hoje em só,
no fechamento de março serão várias mudanças

Até lá.