quinta-feira, 10 de setembro de 2020

Fechamento de Agosto - Recorde de Dividendos

 Pois é, apesar do Coronavírus, redução de dividendos dos FIIs, provisão dos bancos, ainda assim em agosto eu consegui bater meu recorde pessoal de dividendos recebidos.

Em relação ao rendimento da carteira o mês não foi bom. Houve uma redução de 2,22%.

Em agosto me desfiz de ações que comprei em março só para especular (Gol, Azul e Irb) com um pequeno lucro de 10% e comprei Itaú e Ambev.

Engraçado que após eu vender as aéreas, num instante elas subiram. O especulador nunca está satisfeito.


Dividendos


Como dito acima, bati meu recorde de dividendos mensais, superando novembro do ano passado, em que tinha recebido pouco mais de R$ 1.400.


O mais legal é que os dividendos corresponderam a 87% dos meus gastos no mês. Quase fui IF por um mês.



No acumulado do ano eu recebi quase 50% a mais em relação ao mesmo período de 2019. Se eu continuar nessa vantagem vou conseguir bater os R$ 10.000 em 2020.

Tomara que dê certo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário